segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

TRANSEUNTES


TRANSEUNTES
__________________________________

TRANSEUNTES

Quando eu de facto a vi, foi de relance:
Passava em frente e a porta estava aberta.
Era um dia quente e a vida, incerta;
Porém, lá estava eu ao seu alcance...

Personagens de página em romance
Ou, só e simplesmente, andava alerta?
Como a oportunidade que se oferta
Quando tudo parece além do alcance.

Eu a olhei ou ela que olhou para mim?
Só sei que nos olhamos e, por fim,
Vimos alguém que tínhamos-de ver.

Mas não entrei... Não soube rir de nós
Apenas dentro em mim ouvi-lhe a voz
Dizer-me a rir: -- ”Prazer em conhecer!”...

Betim - 23 02 2015